Abordagem clínica de feridas cutâneas em equinos

4 jogadores
  1. Feridas localizadas nas extremidades distais, em geral, são mais complicadas por:
    • Falta de tecido de revestimento
    • Maior predisposição para contaminação
    • Má circulação e movimento articular
    • Todas estão corretas
  2. Feridas contaminadas são lesões traumáticas com menos de seis horas de evolução, na qual pelo e outros fragmentos teciduais estão presentes.
    • V
    • F
  3. Classicamente as feridas são divididas em:
    • Abrasões, contusões, hematomas, incisões e perfurações.
    • Abrasões, contusões, hematomas, lacerações e perfurações.
    • Abrasões, contusões, hematomas, incisões, lacerações e perfurações.
    • Abrasões, contusões, hematomas, incisões e lacerações
  4. Usualmente o processo cicatricial é dividido em:
    • Coagulação, inflamação, proliferação e contração da ferida
    • Coagulação, proliferação, contração da ferida e remodelação
    • Coagulação, inflamação, proliferação, contração da ferida e remodelação
    • Coagulação, inflamação, contração da ferida e remodelação
  5. Deve ser evitado o processo inflamatório em feridas, sendo feita a utilização de anti-inflamatórios locais com o objetivo de melhorar a cicatrização.
    • V
    • F
  6. Não deve ser feito o uso de iodo-povidine para a lavagem da ferida, pois mesmo soluções menos concentradas podem ser citotóxicas para os neutrófilos.
    • V
    • F
  7. O efeito estimulatório do mel na cicatrização de feridas pode estar relacionado a auto regulação de citocinas inflamatórias nos monócitos.
    • V
    • F
  8. Os enxertos biológicos derivados de tecidos como pele ou placenta são relatados como promotores da cicatrização por retardarem a formação do tecido exuberante de cicatrização visto que
    • Induzem uma resposta inflamatória branda.
    • Promovem e mantém um ambiente úmido que conduz a regeneração e migração de células epiteliais.
    • Agem como uma barreira antibacteriana que protege a ferida contra infecções
    • Todas estão corretas
  9. Vários fatores afetam adversamente a taxa de cicatrização das feridas, entre eles está: a má nutrição, hipovolemia, hipotensão, hipóxia, hipotermia, infecção, trauma e o uso de anti-inflamatórios.
    • V
    • F
  10. As complicações na cicatrização cutânea decorrem de anormalidades em qualquer um dos componentes básicos do processo de reparo e podem ser agrupadas em:
    • Escassa formação de componentes do reparo; formação de contraturas e; o aumento de formação de tecido cicatricial.
    • Formação excessiva de componentes do reparo; formação de contraturas e; o aumento de formação de tecido cicatricial.
    • Escassa formação de componentes do reparo; formação de contraturas e; a deficiência de formação de tecido cicatricial.
    • Formação excessiva de componentes do reparo; formação de contraturas e; a deficiência de formação de tecido cicatricial.
  11. O tratamento apropriado e provável prognóstico se dá através da classificação das feridas.
    • V
    • F
  12. A fase de coagulação da cicatrização é importante pois junto a ela ocorre a vasodilatação que auxilia na migração de células para a formação de uma barreira de defesa para o processo inflamatório.
    • V
    • F
  13. Quanto maior a taxa de contração, maior será a rapidez da cicatrização da ferida.
    • V
    • F
  14. Existem diferenças na cicatrização entre equinos e pôneis, uma vez que feridas similares cicatrizam de forma mais rápida em equinos.
    • V
    • F
  15. Marque a alternativa CORRETA: Os ferimentos de pele que mais frequentemente acometem os equinos são localizados
    • Na cabeça e pescoço.
    • No corpo em região dorsal.
    • Nos membros locomotores.
    • No corpo em região ventral.
  16. Feridas classificadas como perfurações são produzidas por objetos cortantes que se caracterizam por serem profundas, extensas e de profundidade variável.
    • V
    • F
  17. Marque a alternativa INCORRETA:
    • O uso de bandagens ou gesso minimiza a formação de tecido exuberante de granulação pelo seu efeito de imobilização e por evitar contaminações.
    • Combinações de anti-inflamatórios esteroidais e ATB tópicos diminuem a produção de líquidos, permitindo trocas menos frequentes de bandagens.
    • O enfaixamento protege contra traumas e dissecação, além de aplicar pressão superficial e manter o medicamento tópico na área lesionada.
    • Combinações de anti-inflamatórios não-esteroidais e ATB tópicos diminuem a produção de líquidos, permitindo trocas menos de bandagens.
  18. Marque a alternativa CORRETA: O aspecto mais importante na preparação de feridas traumáticas para cicatrização é
    • Aplicação de álcool 70% para reduzir os níveis de bactérias patogênicas e oportunistas.
    • Limpeza com solução fisiológica para remover sujidades.
    • Aplicar clorexidina, que consiste na remoção de tecido morto e desvitalizado, reduzindo os níveis de bactérias patogênicas e oportunistas.
    • Desbridamento cirúrgico - remoção de tecido morto e desvitalizado, reduzindo os níveis de bactérias patogênicas e oportunistas
  19. De modo geral, a cicatrização de feridas apresenta prognóstico favorável, uma vez que as feridas cutâneas evoluem de forma correspondente ao modo desejado.
    • V
    • F
  20. Os enxertos biológicos derivados de tecidos como pele ou placenta agem como uma barreira antibacteriana que protege a ferida contra infecções.
    • V
    • F
Quizz sobre o artigo do Grupo 6 para disciplina de Grandes Animais II
  • Criado 16/10/2020
  • Publicado 16/10/2020
  • Alterado 21/10/2020
  • Dificuldade Média
  • Perguntas 20
  • Tema Natureza, animais

Você pode escolher entre três tipos de design:

  • Laranja
  • Azul
  • Light
Pos. Jogador Contagem Chrono Data
Após a classificação
por Lisieux
10 jogadores
por lisieux
6 jogadores
por Samuel Da Silva Da Costa
3 jogadores
por luana
6 jogadores
por Kamyla Vitória
3 jogadores
por Luc Chatel
190 jogadores
por Service Études et recherches - Bpi
25 jogadores
por nabia
8 jogadores
por Mirella Manosso
7 jogadores